Quem é e quem é Deus para nós

[ O conteúdo do artigo é protegido por Plagiashield ]

Quem é Deus? Podemos até saber Deus.? Quem é Deus para nós?

Deus nos fala de si mesmo. Um de seus atributos é que ele é conhecido. Ele nos convida a entrar em si mesmo e em seu reino para que possamos conhecê-lo pessoalmente. O Senhor se apresenta. Além disso, ele nos convida a estar continuamente próximos e conversar com ele. À partilha constante de nossas tristezas, preocupações, mas sobretudo nossas alegrias e a chamada "rotina" da vida cotidiana.

Deus. Podemos defini-lo por certas qualidades que, por assim dizer, nos aproximam de Sua pessoa. Sabemos que Deus é misericordioso e excessivamente bom. Encontramos em Sua pessoa uma pessoa criativa. Foi ele quem trouxe à existência todas as coisas que encontramos hoje. Diz-se que Deus criou o homem à Sua própria imagem. Portanto, sinto-me tentado a dizer que Deus é simplesmente um de nós. Podemos encontrá-lo literalmente em qualquer lugar. Ele é nosso amigo, companheiro e guia. Ele é nosso pai e o ser mais importante. Devemos ser guiados por Ele, e assim Ele é também o caminho e ao mesmo tempo a sinalização que devemos seguir ao longo de nossas vidas para alcançar o o Reino do Céu.

Quem é Deus? Deus é nosso pai. Deus perdoa. Ele é honesto e sincero e, ao mesmo tempo, é a própria sinceridade. Ele é competente e, ao mesmo tempo, ele mesmo é competente. Deus é o criador de todos do mundoe ele mesmo não é tanto o primeiro no mundo como está acima do mundo inteiro. Se assim for, ele é maior, mais bonito, mais saudável e mais maravilhoso do que a coisa mais maravilhosa que podemos encontrar no mundo.

Para responder a esta pergunta de outro ângulo. Quem é o Senhor Deus? É a força imensurável que move todo o universo, que cria e liga todos os mecanismos existentes. É a força motriz e o poder causador. Ele move os céus, a terra e tudo sobre eles. Cada estrela no céu se move por sua vontade. Cada clarão do sol ilumina nossos céus por seus esforços. Deus é toda ação e reação. A força dentro de nossos músculos e a vontade de nossas vidas.

Quem é Deus para nós? Quem para nós é este grande ser, insondável? Ele é certamente o amor que nos cerca. Ele é um sentimento de paz e deleite. Com Deus Temos que contar, é claro, porque para todos nós ele é também o juiz mais alto e mais justo. Ele é o único que julgará justamente nossos atos (Ele nos dotou de livre arbítrio, afinal de contas).

Ele também é a salvação para nós. Ele enviou seu filho ao mundo, a quem ele sacrificou para redimir todos os nossos pecados. Sua bondade é incompreensível. Sua sabedoria está além de toda nossa compreensão.

O Senhor Deus está, ao mesmo tempo, incrivelmente aberto para nós. Ele tenta se aproximar do homem e o encoraja a estar em contato constante com Ele mesmo. Ao mesmo tempo, Ele não é algo intangível. Se realmente tentarmos, podemos ver Sua mão em muitos aspectos de nossas vidas. Podemos até ver a si mesmo.

O Senhor é nossa inspiração. Cada esperançacada nova idéia e cada mudança é sua criação.
No momento em que sentimos uma adrenalina, no momento em que sentimos uma mudança positiva, podemos até ter certeza de que fomos inspirados pelo próprio Deus.

Na busca de conhecer a Deus, portanto, não devemos buscar o contato físico.

Devemos passar para o domínio espiritual, para o domínio cognitivo. Podemos fazer isso todos os dias. Podemos fazer isso através de uma conversa direta com Ele, ou seja, através da oração, ou pelo menos da leitura da Palavra de Deus, enquanto tentamos entender o que o Senhor quer nos dizer. Colocando em prática seus pedidos e resoluções, seremos capazes de perceber sua grande influência. É algo indescritível e cada um de vocês deve tentar estar mais perto de Deus a cada dia.

E por que nós somos realmente tão importantes? Porque Deus se preocupa conosco. Ele é o ser que nos criou, que nos insuflou vida por sua própria alegrias. Somos parte de Seu grande plano e cada indivíduo é igualmente importante.

Para Ele, não há iguais. Somos todos iguais e todos temos possibilidade conhecer nosso Senhor da mesma maneira. Ele compartilha conosco nossos cuidados, tristezas e dores. Ele nunca nos deixa.

[ O conteúdo do artigo é protegido por Plagiashield ]